segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

NA COMPANHIA DA CORTESÃ

NA COMPANHIA DA CORTESÃ





SINOPSE

Na Companhia da Cortesã é um romance épico sobre a vida na Itália Renascentista. Fugindo ao saque de Roma de 1527, com os estômagos revolvidos por causa das jóias que engoliram, a cortesã Fiammetta e o seu companheiro anão Bucino dirigem-se a Veneza, a esplendorosa cidade nascida do comércio entre o Oriente e o Ocidente: rica e bafienta, piedosa e lucrativa, bela e esquálida. Um misto de coragem e esperteza permite que se infiltrem na sociedade veneziana. Juntos, eles formam a sociedade perfeita: o anão arguto e a sua bonita ama, exercitada desde a nascença para seduzir, divertir e satisfazer os homens. Contudo, à medida que vão ficando mais ricos, esta sociedade perfeita fica ameaçada — devido à paixão de um amante que quer mais do que as noites a que tem direito, e às atenções de um admirador turco à procura de novidades para a corte do seu sultão. No entanto, o maior desafio provém de uma jovem mulher aleijada que se insinua nas suas vidas e corações com consequências devastadoras para todos. 


OPINIÃO

Quando o comecei a ler tinha algumas expectativas devido à opinião da minha amiga Maria. Expectativas estas que não foram defraudadas. Gostei da escrita, da história (em que nos consegue surpreender por diversas vezes) e dos personagens.
A escritora consegue-nos descrever Veneza em todos os seus aspectos. A beleza e a fealdade da cidade, com a sua sociedade maravilhosamente caracterizada e os diversos personagens, bem explorados tanto fisica como psicologicamente que vêm completar a caracterização dessa mesma sociedade.
Gostei mesmo muito do livro!
Lido através do BlogRing. Obrigada Vanessa pelo empréstimo.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

O PRISIONEIRO DO CÉU

O PRISIONEIRO DO CÉU






SINOPSE

Barcelona, 1957. Daniel Sempere e o amigo Fermín, os heróis de A Sombra do Vento, regressam à aventura, para enfrentar o maior desafio das suas vidas. Quando tudo lhes começava a sorrir, uma inquietante personagem visita a livraria de Sempere e ameaça revelar um terrível segredo, enterrado há duas décadas na obscura memória da cidade. Ao conhecer a verdade, Daniel vai concluir que o seu destino o arrasta inexoravelmente a confrontar-se com a maior das sombras: a que está a crescer dentro de si.

Transbordante de intriga e de emoção, O Prisioneiro do Céu é um romance magistral, que o vai emocionar como da primeira vez, onde os fios de A Sombra do Vento e de O Jogo do Anjo convergem através do feitiço da literatura e nos conduzem ao enigma que se esconde no coração de o Cemitério dos Livros Esquecidos. 


OPINIÃO

Comecei a ler este livro um pouco receosa pois tinha lido algumas opiniões desfavoráveis em relação aos outros do mesmo autor.  Afinal adorei tal como os anteriores. De facto, adoro a sua escrita, a maneira como nos consegue inserir no ambiente e nos consegue pôr a viver a sua história. Continuo fã e estou ansiosa pelo próximo.

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

SAPATOS DE REBUÇADO

SAPATOS DE REBUÇADO






SINOPSE

Sapatos de Rebuçado é mais uma viagem ao mundo encantado de Joanne Harris. Um (esperado) regresso a Chocolate.
Após ter abandonado a aldeia de Lansquenet-sur-Tannes, cenário de Chocolate, Vianne Rocher procura refúgio e anonimato em Paris, onde, juntamente com as suas filhas Anouk e Rosette, vive uma vida pacífica, talvez até mesmo feliz, por cima da sua pequena loja de chocolates. Não há nada fora de comum que as destaque de todos os outros. A tempestade que caracterizava a sua vida parece ter acalmado... Pelo menos até ao momento em que Zozie de l’Alba, a mulher com sapatos de rebuçado, entra de rajada nas suas vidas e tudo começa a mudar…
Mas esta nova amizade não é o que parece ser. Impiedosa, retorcida e sedutora, Zozie de l’Alba tem os seus próprios planos - planos que vão despedaçar o mundo delas. E com tudo o que ama em jogo, Vianne encontra-se perante uma escolha difícil: fugir, tal como fez tantas outras vezes, ou confrontar o seu pior inimigo…
Ela própria.


OPINIÃO

Eu gostei muito deste livro! Há quem ache que esta autora não é de topo mas eu gostei de quase todos os livros dela. As histórias são muito engraçadas com "um não sei o quê" de mágicas, os personagens são bem caracterizados e há sempre alguns que fogem ao habitual, descreve muito bem e consegur inserir-nos nos diversos ambientes e, mais que tudo o resto, tem uma escrita "aromática". Não consigo definir de outra maneira mas adoro todos aqueles cheiros, aromas......
Enfim , já tinha lido o "chocolate" há muito tempo e foi bom reentrar na história!

NA COMPANHIA DA CORTESÃ de Sarah Dunant


SINOPSE:

Na Companhia da Cortesã é um romance épico sobre a vida na Itália Renascentista. Fugindo ao saque de Roma de 1527, com os estômagos revolvidos por causa das jóias que engoliram, a cortesã Fiammetta e o seu companheiro anão Bucino dirigem-se a Veneza, a esplendorosa cidade nascida do comércio entre o Oriente e o Ocidente: rica e bafienta, piedosa e lucrativa, bela e esquálida. Um misto de coragem e esperteza permite que se infiltrem na sociedade veneziana. Juntos, eles formam a sociedade perfeita: o anão arguto e a sua bonita ama, exercitada desde a nascença para seduzir, divertir e satisfazer os homens. Contudo, à medida que vão ficando mais ricos, esta sociedade perfeita fica ameaçada - devido à paixão de um amante que quer mais do que as noites a que tem direito, e às atenções de um admirador turco à procura de novidades para a corte do seu sultão. No entanto, o maior desafio provém de uma jovem mulher aleijada que se insinua nas suas vidas e corações com consequências devastadoras para todos.


A MINHA OPINIÃO:

Este livro foi numa agradável surpresa. Confesso que não tinha grandes expectativas sobre ele e por vezes isso é o ideal. Uma história bem contada passada em Veneza, com todo o imaginário que dai advêm, contada por um anão que é "propriedade" e sócio de uma cortesã, que fugiram de Roma quando esta caiu em desgraça. Senti-me envolvida pela atmosfera e transportada para o local por isso recomendo a leitura desde livro a quem goste de uma leitura de algo passado noutros tempos com um toque de suspense. Gostei da parte final, que me surpreendeu. Querem saber porquê? Tem então de ler o livro!!!

Mais um livro lido através do Club BlogRing, obrigada Vanessa

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

2013 Literário - Leia sempre


Mais um selo dado pela Ruthy do blog A viajante, obrigada   :)

As regras são:
  • Indicar, no mínimo, dois livros que gostou de ler em 2012 (sem limite máximo)
  • Indicar pelo menos três livros que deseja ler em 2013 (sem limite máximo)
  • Oferecer o selo a mais 10 pessoas para dar sequência a este projecto de incentivo à leitura
Vamos lá então responder ao desafio/selo  :)

Em 2012 li 61 livros, nada mau para quem não tem assim muito tempo por ter 2 pestinhas lindas lá em casa que me ocupam bastante tempo. Dos que mais gostei foram estes:
  • A QUEDA DOS GIGANTES de Ken Follett
  • PERIPÉCIAS DO CORAÇÃO de Julia Quinn
  • O OUTRO AMOR DA VIDA DELE de Dorothy Koomson
  •  CALAFRIOS de Sandra Brown
  • A VIELA DA DUQUESA de Sveva Casati Modignani
  • ANTES DE ADORMECER de S. J. Watson
  • A PASSAGEM de Justin Cronin
  • O JARDIM DOS SEGREDOS de Kate Mortan

Para 2013 quero ler, ler e ler... vamos ver como corre mas para já gostava de ler os seguintes livros:
  • O INVERNO DO MUNDO de Ken Follett
  • LETAL de Sandra Brown
  • AS HORAS DISTANTES DE Kate Mortan
  • O GRANDE AMOR DA MINHA VIDA de Paullina Simons
  • INFERNO de Dan Brown

Não vou oferecer este selo a ninguém porque acho que já toda a gente o recebeu, mas quem quiser leva-lo, esteja à vontade  :)

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

ANOITECER

ANOITECER






SINOPSE

«O meu nome é MacKayla, Mac, para simplificar. Sou uma vidente de sidhe, uma das que vê os Fae, um facto que aceitei apenas há pouco tempo e com grande relutância. A minha filosofia é muito simples - seja que dia for em ninguém tente matar-me é um dia bom, na minha maneira de ver. Não tenho tido muitos dias bons, ultimamente, desde que as paredes entre o Homem e os Fae se desmoronaram. Mas, na verdade, não existe um único vidente de sidhe vivo que tenha tido um dia bom desde então.»

Antes de ser assassinada, a irmã de MacKayla deixou uma única pista sobre a sua morte - uma mensagem enigmática no telemóvel de Mac. Numa viagem à Irlanda em busca de respostas, Mac vê-se subitamente perante um enorme desafio: conseguir manter-se viva até conseguir dominar um poder que não fazia ideia possuir, um dom que lhe permite ver para lá do mundo do Homem, para o perigoso reino dos Fae… Enquanto Mac mergulha cada vez mais fundo na tentativa de solucionar a misteriosa morte da irmã, todos os seus movimentos são seguidos pelo sombrio Jericho… e o implacável V’lane - um Fae-alfa que transforma o sexo num vício para as mulheres humanas - aproxima-se dela. À medida que as fronteiras entre os dois mundos começam a desmoronar-se, a verdadeira missão de Mac torna-se clara: encontrar o poderoso Livro Negro Sinsar Dubh antes que mais alguém o reclame, pois quem conseguir chegar até ele primeiro terá nas mãos o controlo completo sobre ambos os mundos… 



OPINIÃO


Dentro do género gostei bastante. Cheio de personagens diferentes, com muita imaginação e com muito ritmo conta uma história bastante engraçada e deixa-nos com bastante por responder...... Leva-nos a ansiar o próximo livro para conhecer o seguimento da história. Inteligente......

Lido atrvés do BlogRing. Obrigada Catarina!

A MULHER DO VIAJANTE NO TEMPO de Audrey Niffenegger


SINOPSE:

Henry DeTamble possui uma condição rara: devido a um problema genético, ele viaja no tempo. Pra ele passado, presente e futuro são uma coisa só. Ele conhece Clare aos 28 anos porém ela o conhece e é apaixonada por ele desde a infância. Mas somente agora eles se encontraram estando na mesma época. E apesar das dificuldades de se relacionar com um viajante no tempo, Clare não vai abrir mão de estar com aquele que ela esperou por toda a vida.


A MINHA OPINIÃO

Gostei desde livro mas acho que esperava mais. Já tinha visto o filme inspirado nele, coisa que geralmente não faço, pois gosto de ler 1º e ver o filme depois. Como tal já sabia do que se tratava. A história de amor é muito bonita e por razões pessoais sofri quando os protagonistas não conseguiam ter filhos. Mas se pensar numa vertente mais cientifica é estanho que o protagonista possa estar com ele próprio sem causar danos ao mundo... e ele diz que não consegue voltar no tempo quando e onde quer mas consegue saber os nºs da lotaria para ganhar dinheiro para comprar uma casa... como tal gostei mas não amei

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Liebster Award

Liebster Award
E recebemos mais um selo desta vez do blog Cuidado com o Dálmata, obrigada  :)

As regras:
  • Listar 11 factos sobre nós
  • Responder às 11 perguntas que nos atribuíram
  • Nomear 11 bloggers com 200 ou menos seguidores, colocar o link dos respectivos blogs neste post e avisá-los/as sobre os prémios
  • Fazer 11 novas perguntas para esses mesmos bloggers
11 factos sobre mim
  1. Amo os meus filhos acima de tudo
  2. Adoro ler apesar de nem sempre ter tempo para o fazer, mas aproveito todos os momentos
  3. Gostava de poder viajar mais, gosto de conhecer novos países, novos costumes
  4. Não gosto de cozinhar mas gosto de comer  :)
  5. Sou muito rabugenta, acho que o mundo deveria ser justo mas não é e isso deixa-me rabugenta  :)
  6. O sol deixa-me muito bem disposta, acho que devia morar num pais tropical... 
  7. Gosto de conduzir mas fico danada com certos condutores que só pensam neles próprios
  8. Tenho muitas saudades da minha mãe, nunca percebi porque partiu tão cedo
  9. Além da leitura e dos meus filhos o meu vicio é a internet (blogs, Face, jogos...)
  10. Tenho 4 afilhados de 11, 14, 16 e 17 anos (3 rapazes e 1 menina) dos quais tenho muito orgulho

As minhas respostas às perguntas 
  1. Qual foi o último livro que compraste? - O grande amor da minha vida de Paullina Simons
  2. E o último filme que foste ver ao cinema? - Jack Reacher
  3. É sábado, e acordaste ao meio-dia, tomas o pequeno-almoço, ou almoças? - Um misto dos 2
  4. Qual é o objecto que neste momento está mais à tua direita? - Caneta
  5. E mais à esquerda? - Papel
  6. Número de estantes? - Muitas!!!
  7. Diz-me a verdade, achaste que se ia dar o Apocalipse Maia em 21/12/2012? A VERDADE!- Puf, claro que não! Mas acabou para as pessoas que morreram nesse dia...
  8. Firefox ou Explorer? - Firefox
  9. Três coisas que andam sempre na tua carteira - toalhetes humidos, telemóvel e um livro  :)
  10. Não tens um marcador à mão, nem tens outra opção qualquer, que fazes: dobras um cantinho da página, ou decoras o número? - Decoro o nº da pagina, para mim é um crime dobrar uma pagina de um livro
  11. Um guilty pleasure musical que esteja neste momento na tua playlist - Bem, talvez Gunman style  ;)  e gostava da canção pimba "O pai da criança"   lol
 
11 Bloggers a quem vou passar o Liebster

11 perguntas para os blogs escolhidos
  1. Quantos livros leste em 2012?
  2. Quantos gostavas de ler em 2013?
  3. Sem pensares muito, diz o nome de um livro de que tenha gostado muito
  4. E agora de um livro do qual não tenhas gostado nada  :)
  5. Que livros recordas da tua infância?
  6. Gostas mais de livros em papel ou em formato e-book?
  7. Qual o filme adaptado de um livro que gostaste mais?
  8. E qual o filme adaptado de um livro que gostaste menos?
  9. O que gostas mais no nosso blog?
  10. Que mudarias no nosso blog?
  11. Que livro estás a ler agora?

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

A DOÇURA DA CHUVA

A DOÇURA DA CHUVA







SINOPSE

Kara Whittenbrook tinha uma vida privilegiada. Filha de dois ambientalistas famosos, cresceu entre a selva amazónica e os melhores colégios da elite americana. Com a morte dos pais num acidente de aviação, torna-se herdeira, não só de uma enorme fortuna, mas também de um segredo que abalará por completo o seu mundo - o facto de ter sido adotada.
Decidida a encontrar os seus pais biológicos, Kara parte para o Nordeste da Califórnia, onde conhecerá Ben Thocco, um rancheiro que vive rodeado de gente singular. Em pouco tempo, ela fará parte de um universo diferente, que lhe abrirá as portas de um amor inesperado e de amizades genuínas, e a ajudará a tomar as mais difíceis decisões...
Em A Doçura da Chuva, Deborah Smith dá-nos a conhecer uma galeria de personagens cativantes, que nos envolvem e nos levam a reconhecer nos pequenos gestos do quotidiano as fontes da alegria e da felicidade


OPINIÃO

Adorei este livro!
Uma escrita fluída e simples, uma história linda e uns personagens maravilhosos. Foca vários temas bastante sensíveis da nossa sociedade de uma maneira bastante equilibrada. Só o final é que ´foi previsível mas também tinha mesmo que ser!
Não tenho mais nada a dizer senão LEIAM!!!!!
Obrigada Maria pelo empréstimo.... beijocas

 

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

NO ANEXO de Sharon Dogar





SINOPSE:


"Uma reconstituição delicada, serena e escrupulosa." (The Guardian) "Estou com medo. Com medo de poder cair e não conseguir parar. Com medo de nunca vir a fazer amor com uma rapariga. Com medo de ser cobarde. Com medo de estarmos encurralados. Com medo de podermos ser apanhados. Com medo de que seja o meu fantasma que ali está parado, à minha espera ao fundo das escadas. Que seja só isto - tudo o que resta da minha vida." Peter van Pels e a família estão escondidos com os Franks, e Peter vê tudo com um olhar diferente. Como será ser-se obrigado a viver com Anne Frank? Odiá-la e depois dar por si apaixonado por ela? Saber que é tema do seu diário dia após dia? Como será ficar sentado à espera, olhar por uma janela enquanto outros morrem e desejar estar a combater? O diário de Anne termina a 4 de Agosto de 1944, mas, nesta história imaginada, a experiência de Peter continua para além da traição e chega aos campos de extermínio nazis. "Está aí alguém?", pergunta ele. "Está alguém a ouvir?" Nós devíamos estar.

A MINHA OPINIÃO:


Um livro difícil de ler, pelo seu conteúdo, pela sua história... Li à uns anos anos atrás "O Diário de Anne Frank" e foi um livro que me marcou. Custa muito acreditar na crueldade das pessoas, neste caso não apenas contra uma pessoa mas contra todas as pessoas que acreditavam numa determinada religião. Doi ler estas coisas mas é bom que nos recordemos destas situações para que nunca tornem a acontecer...


Em relação à história em si, não acrescenta nada de novo ao Diário de Anne Frank, a história é a mesma mas vista por outros "olhos", li, sofri, mas não amei...

Mais um livro lido através do ClubRing, obrigada TinkerBell