sábado, 26 de dezembro de 2009

O quarto da rainha




Sylvie foi encontrada aos quatro anos no meio da floresta, vestida com uma camisa manchada de sangue e agarrando uma boneca contra o peito. A sua família acabara de ser assassinada, possivelmente às ordens do cardeal Richelieu, com o intuito de recuperar umas cartas comprometedoras. Levada para Paris por um dos netos do rei Henrique IV, o príncipe François, a menina cresce no seio da Corte, protegida pelos Vêndome, e aos quinze anos torna-se uma das aias da rainha Ana de Áustria, mulher de Luís XIII. Sem querer, Sylvie irá partilhar o perigoso segredo do nascimento do futuro Luís XIV, e enfrentar forças poderosas como o rei Luís XIII, o sinistro e tenebroso cardeal Richelieu, mas também o sádico assassino da sua mãe.

O Quarto da Rainha é o 1º volume da trilogia Segredo de Estado, a que se seguirão O Rei do Mercado e O Prisioneiro da Máscara de Veludo.


Quando comecei a ler este livro, confesso que não lhe achei muita piada. Muitas referências históricas que não me interessavam muito levaram-me a desinteressar-me um pouco deste livro e a achar que não queria ler os outros, pois tratava-se de uma trilogia. Eu sou teimosa e mesmo quando os livros não me despertam muito interesse, acabo por os ler, mesmo que seja mais devagar. E foi o que fiz, sendo que o interesse foi crescendo e agora que o terminei, já me apetece compras os outros para saber o que vai acontecer... Uma boa surpresa pois, que se vai apreciando conforme de vai lendo.